Indicação - anime

Mob Psycho 100 – O maior poder de todos é ser você mesmo!

Hey, hey! Hoje vim trazer uma recomendação nova pra vocês e pasmem: NÃO É SHOUJO! Dessa vez, vou falar sobre um shounen que eu amo muito, não só pelo humor bem bestão que eu adoro, mas por estar cheio de mensagens lindas que valem a pena serem levadas pra vida: Mob Pyscho 100!

 

Para aqueles que pensavam que eu só leio/assisto coisa de romance: ERROOOOU (embora isso esteja 98% certo).

 

Agora falando mais sobre a obra em si:

Não se deixem enganar pelo traço simples e meio destrambelhado do ONE (é o que eu pensava, pelo menos), porque se tem uma coisa que esse cara sabe fazer, é escrever. Para aqueles que não o conhecem, esse é o mesmo autor que fez “One Punch Man” (mas admito não ser muito fã dessa outra obra). Se você está pensando “Ué, mas o traço não tem nada ver”, então provavelmente você está se lembrando da versão desse mangá desenhada por Murata Yuusuke. Entretanto, a obra originalmente veio de uma webcomic escrita e desenhada pelo próprio ONE, caso tenham interesse em pesquisar (essa sim, tem o mesmo traço de Mob).

info do ONE

 

Então deixa eu apresentar logo essa obra maravilhosa antes que a introdução fique longa demais~

2gsjgna1uruvUuS7ndh9YqVwYGPLVszbFLwwpAYXYcdB1RjUi7EVLyHvXfy4sma6wgKX5khEjJohPfJd3yC1oUjxp9wqYzPH9S4ZsiFEwcVx75EnKx

Gênero: Ação, Comédia, Psicológico, Vida escolar, Slice of life (vida cotidiana) e Supernatural.

A história retrata a vida não tão ordinária de Kageyama Shigeo, um jovem super apagado da sociedade, considerado até mesmo um Mob (personagem de apoio) pelas pessoas ao seu redor. Diferente do que se espera de um garoto “sem graça” como ele, Mob tem poderes telecinéticos extremamente poderosos, que, por vezes, até saem de controle quando suas emoções estão à flor da pele.

 

Essa sinopse ficou beeeem resumida, mas só nisso já tem um detalhe dessa obra que eu sou apaixonada: A manifestação dos poderes do Shigeo.

(Olhem só o meu filho… apreciem a fofura dele agora mesmo)
Aqui temos um protagonista aparentemente vazio e sem expressões, no qual é quase impossível imaginar o que se passa na mente dele.

A partir desse personagem que mais parece figurar a ideia de “nada”, ONE mostra pra gente que as coisas não são como parecem ser. Mob (como alguns o chamam na história) é um garoto que, na verdade, só é do jeito que é porque tem medo de perder o controle de seus poderes e, por essa razão, resolve aprisionar seus sentimentos. Assim, ele acaba se tornando um indivíduo supostamente apático para aqueles que o veem de fora.

Porém, Shigeo é um garoto muito sensível e o fato de estar sempre contendo seus sentimentos para si faz com que, aos poucos, essas emoções acabem se acumulando até o ponto em que ele entra em colapso. A representação disso é mostrada por meio de uma porcentagem, que volta e meia aparece durante a narrativa (sendo que quando ela chega em 100%, o bicho começa a pegar).

(Fanart feita pela Ishikyo)

Dadas as devidas proporções, imagino que todos nós temos um pouquinho de Mob na gente, sempre buscando segurar nossos sentimentos (e inclusive frustrações) até o momento em que a bomba explode. Esse retrato tão visual ilustrando como ignorar a si mesmo pode acabar sendo extremamente danoso pra aqueles que fazem isso foi um detalhe de Mob Psycho 100 que me cativou imediatamente.

Além disso tudo, me peguei refletindo sobre como o fato do protagonista ser relativamente passivo abre espaço para que os outros desconsiderem seus sentimentos ou se aproveitem dele. Porém, apesar do Mob parecer “super de boa”, isso não quer dizer que o ele não seja como os outros, isto é, que ele não tenha opinião ou que as coisas que vivencia não afetem o seu físico/emocional (mesmo que o garoto não seja capaz de demonstrar).

 

Mas isso tudo é só o começo.

 

Bem como o próprio autor disse, Mob Psycho 100 é uma história sobre uma das qualidades humanas que eu mais admiro: A gentileza.

55483196_2319655984746405_2508488224893042688_o

A ideia desse shounen não é mostrar porradinha e efeitos visuais vazios (embora a animação do anime ser tão perfeita, que é um deleite assistir esse tipo de cena). Ele quer mostrar a profundidade dos seus personagens e como a bondade faz toda a diferença na vida de uma pessoa.

Spoilers a parte, mas o desenvolvimento, o crescimento e o amadurecimento, não só do protagonista, mas de vários personagens, se dá graças a um gesto singelo de gentileza. Conforme a história vai passando, você quer guardar todo mundo num potinho de tão fofinhos que são! (O Teru e o Shigeo são meus bebês ♥)

 

E se pensa que esse anime é super expositivo pra passar essas mensagens, ele não é. Porém, elas são tão bem entregues aos expectadores, que é quase impossível não tirar essas conclusões conforme for assistindo.

 

O que deve ser uma surpresa pra qualquer um, porque onde já se viu encontrar mensagens tão profundas e bonitas dentro de um anime que tem isso:

Pois bem, não podemos esquecer que essa é uma obra de comédia. E não só isso, como uma comédia escrita pelo ONE.

Com direito a seita risadinha, um adolescente do ensino médio com cabelo de abacaxi, uma meleca flutuante que fala, entre outros, Mob Psycho 100 tem elementos de comédia nonsense que vão te fazer rachar de rir, ao passo que aprende muito com a história (como eu mesma já ressaltei até demais).

 

E por que achei essa obra tão especial assim?

Porque é uma obra psicológica que fala de temas sérios, mas, diferente de muitas outras histórias que apelam pro lado macabro da psique humana, Mob tem um diferencial: O discurso de positividade.

Nos lembrando de que, mesmo com a toda complexidade humana e adversidades da vida, você não está sozinho no mundo.  Se for capaz de ser uma boa pessoa e conseguir encontrar outras boas pessoas no meio caminho, os fardos que carrega podem se tornar mais leves de se lidar. Além disso, mesmo se você não for exatamente a melhor pessoa do mundo, nunca é tarde para se reinventar e começar de novo.

Mob Psycho 100 é uma obra que fala de autoaceitação, positividade e trabalha com outros lados complexos do psicológico humano (como inveja, insegurança, baixa autoestima, etc), enquanto te faz rir e te encanta com a presença de personagens únicos super adoráveis e engraçados.

(menção honrosa pro clube de fomento corporal, que são uns nenéns)

E todo esse ensinamento é passado por meio de uma narrativa totalmente inovadora e divertida! Por isso, não esperem cenas super emocionantes e tocantes, porque essa obra não é de drama. Bom, mas também não quer dizer que não tenha. Estou me contradizendo? Sim. Afinal, se emocionar ou não vai de cada um (eu, pessoalmente, senti vontade de chorar em várias cenas desse anime haha).

 

Essa mensagem positiva é tão reforçada no decorrer da obra, que aparece até nas aberturas (além de esteticamente lindas, são super inspiradoras):

99 (1ª abertura)

 “ Se ninguém é especial, talvez você possa ser aquilo que deseja ser ” 

 

99.9 (2ª abertura)

 “ Sua vida pertence apenas a você ” 

 

E indo pra um lado mais técnico agora: QUE ANIMAÇÃO, MEUS AMIGOS!

(Se não concorda, me desculpe, mas você está errado)

Observem que os detalhes da animação são super minuciosos e absurdamente lindos! Tanto foi, que a segunda temporada de Mob recebeu um prêmio de melhor animação pela Crunchyroll, ganhando, até mesmo, do queridinho do “Kimetsu no Yaiba”.

Para aqueles que tem receio de ler o mangá por conta do traço do ONE, eu posso lhes GARANTIR que a produção do anime é tão boa, que conseguiu fazer com que a aparente simplicidade do traço original se tornasse algo super dinâmico e interessante.

Fora a animação em si, a estética geral do anime é muito bonita! (com destaque especial para as cores). Pra mim, só isso já é um baita incentivo para conferirem~

 

Sendo assim, tenho uma boa e uma má notícia:

Para quem optar por ver apenas a animação, o anime conseguiu cobrir quase ele inteiro, então vocês não vão perder muita coisa!

Mas é aí que entra a notícia ruim: O anime não cobre o finalzinho do mangá (e eu juro, a conclusão dele é MARAVILHOSA). Ainda tenho esperanças de lançarem mais uma temporada pra terminarem o restante da obra… bom, não custa sonhar, né? (até porque demoraram um pouquinho pra lançar a segunda temporada).

Como não aguentei esperar por esse futuro incerto, fui ler o final da história pelo mangá mesmo e não me arrependi. Apesar do traço instável e meio simplista (as vezes), o ONE sabe fazer umas cenas dinâmicas e bem legais quando quer:

(Olha a intensidade que essas cenas passam pra gente)

 

Bom, é isto.

Não quis entrar muito afundo no enredo em si pra não dar spoiler, já que esse post tem a função de incentivá-los a conhecer Mob Psycho 100. Mas vale ressaltar que existe, sim, uma trama bem definida e ela é super interessante! Inclusive, conforme o enredo vai avançando, as coisas ficam cada vez mais sérias e intrigantes.

Até organização do mau tem nesse negócio (e, por incrível que pareça, não é só de zueira)

 

Ainda tenho muito o que dizer sobre Mob Pyscho 100 e sobre o quanto eu amo esse negócio, mas vou parar por aqui haha

 

Informações técnicas:

  • Mangá:

É uma obra escrita e desenhada pelo ONE.

Foi publicado em 2012 na revista Shogakukan, contando com 16 volumes.  Inclusive, já aproveito o espaço pra dizer que ele está sendo publicado no Brasil pela Planet Mangá da Panini (O próximo volume, que deve sair em breve, já será o último).

A série ganhou uma série spin-off (posterior a sua conclusão) intitulada “Reigen”.

  • Anime:

A primeira temporada foi lançada em 2016 e conta com 12 episódios, enquanto que a segunda foi ao ar em 2019 e possui 13 episódios. Elas estão disponíveis completas na plataforma Crunchyroll (com direito a versão dublada em português). Você pode conferi-las por meio deste link AQUI.

Existem também 2 OVAs: Um intitulado “Mob Psycho 100: Reigen – Shirarezaru Kiseki no Reinouryokusha”, lançado em 2016 e com, aproximadamente, 1h de duração; e outro chamado “Mob Psycho 100: Dai Ikkai Rei toka Soudansho Ian Ryokou – Kokoro Mitasu Iyashi no Tabi”, lançado em 2019, com cerca de 24 minutos.

Além disso, há uma série curta de 6 especiais com, aproximadamente, 7 minutos.

 

E pasmem: Mob Pyscho 100 tem até série live action!!!

(Sim, isso mesmo o que você leu)

mob-psycho-100-netflix-live-action-manga-anime-capa-700x361

Ela tem 12 episódios, que apresentam uma média de 24 minutos.

Foi lançada em 2018 pela plataforma Netlix (e pra quem quiser assistir, a série ainda está por lá)

O dorama não é idêntico a obra original (obviamente), mas, apesar das adaptações, tem várias cenas iguaizinhas ao mangá. Em geral, eles apenas alteraram um pouco o contexto no qual as coisas aconteceram.

E pra minha surpresa, achei que a história foi muito bem adaptada, fora que os efeitos especiais não ficaram tão ruins! (Dentro da medida do possível). Pra quem já está acostumado com adaptações live action (e até pra quem não é, mas tem a mente mais aberta), recomendo bastante~

Vou deixar algumas imagens aqui pra vocês terem ideia de como é:

(Informação adicional besta: Por mais estranho que pareça, eu comecei a gostar de Mob por causa do live action e só depois que fui conhecer as outras mídias haha)

 

E se achou que essa era a única curiosidade que eu tinha, senta aí que lá vem mais uma:

 

Além disso tudo, a série também possui um jogo de celular intitulado “Mob Psycho 100: Psychic Battle”!

Eu nunca joguei pra falar como é, mas pra quem estiver interessado, o mobage (Acabei de perceber que dá pra fazer um trocadilho com a forma simplificada de “mobile game” haha)  está disponível para Android e IOS.

Embora tenha uma versão inglês, eu não encontrei pela Play Store do meu celular (pois, aparentemente, ele não foi licenciado no Brasil), mas vocês podem baixá-lo pelo QuooApp ♥ (Para mais informações, acesse a página do jogo por AQUI).

A Crunchyroll (Americana) também fala sobre “Mob Psycho 100: Psychic Battle” bem AQUI.

 

Agora é com vocês! Sério, não deixem de dar uma chance pra essa obra, porque eu posso garantir que não vão se arrepender (no mínimo, deve render umas boas risadas). Se eu vim aqui recomendar uma coisa que não é romance, é porque o negócio é bom mesmo! haha

ekubo

 

 

 

-SEE YOU NEXT TIME☆

7 comentários em “Mob Psycho 100 – O maior poder de todos é ser você mesmo!”

  1. Eu tô atrasada com um monte de coisa e Mob é uma delas, dá até vergonha de admitir T-T
    Ah, gostei muito do texto, Mih; me fez lembrar das partes divertidas dessa série. Um dia eu tomo vergonha na cara e acabo :’)
    Mas na verdade o que eu vim dizer é que também comecei a ver pelo dorama e gosto muito dele. Brigo até hoje com um amigo meu que insiste que o live-action é horrível (tem uns pedaços que eu achei hilário huehue).

    Ah, e agradeço (ou não né) pela indicação de mais um mobage pra eu me viciar HUAHSUAHUSAHAU

    Curtido por 1 pessoa

    1. Nossa, termine mesmo que vale muito a pena!!! E fico feliz que tenha gostado do texto, foi feito com muito carinho~
      NÉ? ATÉ A PARTE ZOADA DO LIVE ACTION É BOA (Seu amigo ainda vai entender a grandiosidade desse dorama um dia… ou não kkkk)
      Quanto aos mobages, acho que estão virando um novo vício meu… tenho que tomar cuidado (Se resolver jogar esse do Mob, me conta depois o que achou! To com preguiça de jogar, mas a curiosidade existe kkkkk)

      Curtido por 1 pessoa

      1. Ai o tempo que eu tenho que arranjar pra terminar as coisas ( ╥ω╥ )
        Fui baixar o mobage aí descobri que ele tem 700MB só de download… um dia a coragem vem, quando eu estiver com preguiça de estudar ou algo assim huahuahus

        Curtido por 1 pessoa

  2. Maravilhoso texto! Conheci Mob pq eu vi um post no facebook sobre uma fala do amigo loiro do protagonista, dizendo que a melhor coisa que alguem pode ser é ser uma boa pessoa.
    Eu realmente estou interessado agora, eu tinha uma visão muito diferente da obra.
    Por favor, traga mais posts assim!

    Curtido por 1 pessoa

    1. Eu amo essa frase! É algo que eu sempre levei pra vida por mim mesma, então foi uma surpresa muito agradável encontrar ela nessa obra ♡
      Que bom que gostou do meu texto! Pode deixar que em breve teremos mais novidades aqui pelo blog c:

      Curtir

  3. Olha só!!! Parece que Mih- sama é como eu…todo mundo acha que eu só assisto animes shoujos fofos de romance ou comédia romântica, aí eu vou recomendar uns dos animes sangrentos de terror com psicopatas fodas e ngm me escuta…
    Obrigada pela recomendação, segundo episódio agora (sim, eu escrevo, leio e assisto ao mesmo tempo, aposto q todo o otaku faz isso, até vc deve fazer isso) já tinham me recomendado antes mas com um relatório detalhado assim…
    Obg ❤

    Curtido por 2 pessoas

    1. No geral, eu realmente leio mais shoujo/josei/romance, mas volta e meia dá aquela vontadezinha de variar, né? kkkkkk
      Eu que agradeço por ter lido o meu post! Fico feliz que tenha gostado~

      Curtido por 1 pessoa

Comenta aí, meu povo!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s